Ads Top

SEO e omnichannel: como as duas estratégias podem se complementar

A princípio, SEO e omnichannel podem parecer estratégias distintas. Mas a unificação das duas pode garantir uma nova experiência de compra aos seus usuários

SEO é um dos pilares do marketing digital, essencial para atrair tráfego orgânico até o seu site e gerar mais oportunidades de negócio.

O omnichannel, por sua vez, é uma estratégia de integração de canais de marketing e vendas. Mas, então, o que SEO e omnichannel têm a ver?

Embora pareçam estratégias separadas, SEO e omnichannel se relacionam e podem se complementar. As duas estratégias atuam ao longo da jornada de compra, à medida que o consumidor quer resolver suas dúvidas e navega entre os canais da marca para pesquisar produtos, preços e outras informações.

Afinal, o que os consumidores querem e devem receber, em toda a jornada, é uma boa experiência de compra. E é para cumprir esse objetivo que SEO e omnichannel devem ser integrados nos planos das empresas.

Siga conosco agora para entender melhor o que é omnichannel e como o SEO pode contribuir para uma melhor experiência entre os canais da marca. Acompanhe!

O que significa ser omnichannel?

Omnichannel é um conceito que se refere à integração das operações de marketing e vendas entre os diferentes canais de uma loja.

O objetivo do omnichannel é oferecer uma experiência integrada e consistente ao consumidor por onde ele passar em sua jornada de compra.

O negócio pode ter um e-commerce, uma loja física, um social commerce, um aplicativo de vendas e até um televendas. Mas, aos olhos do consumidor, todos esses canais representam a mesma loja e a mesma marca.

Então, a pessoa deve poder transitar entre um canal e outro naturalmente, sem obstáculos.

Só que, geralmente, os consumidores enfrentam alguns obstáculos nesse caminho. Se a pessoa compra um produto no e-commerce e deseja trocar na loja física, nem sempre isso é possível. Os estoques e os sistemas podem não ser integrados e, dessa forma, não é possível registrar a entrada e a saída de mercadorias de um canal em outro.

Assim, o consumidor é quem se adapta às operações da loja, e não o contrário. O que uma estratégia omnichannel propõe é que a loja se adapte ao comportamento do consumidor atual, que transita por diferentes canais, online e offline, para fazer uma compra, desde as primeiras pesquisas por informações até a troca ou devolução de um produto.

Para isso, as empresas devem adotar sistemas integrados. No marketing, canais como redes sociais, blog e e-mail marketing devem integrar a persona, a linguagem e a comunicação com os clientes.

Em vendas, os sistemas de gestão devem ser centralizados e automatizados para oferecer uma visão única sobre o estoque e a logística.

Quais as diferenças entre multichannel e omnichannel?

Existe outro conceito, bastante usado em marketing e e-commerce, que muitas vezes se confunde com omnichannel: o multichannel. Porém, são ideias diferentes.

Multichannel ou multicanalidade se refere à estratégia de uso de vários canais de marketing e vendas. Esse conceito ganhou força diante do surgimento de inúmeros canais de vendas e comunicação na era digital.

Com a Internet, os pontos de contato com os consumidores se multiplicaram – no site, redes sociais, blog, aplicativos, além do estabelecimento físico e das ligações por telefone. Assim, a jornada de compra se tornou mais diversa e imprevisível.

Porém, esse conceito não engloba a integração entre os canais, que é proposta pelo omnichannel ou omnicanalidade.

Na estratégia multicanal, a empresa está presente em vários canais, integrados ou não. Cada canal deve oferecer uma experiência relevante – porém, isso pode gerar uma experiência isolada em cada ponto de contato.

Já na estratégia omnichannel, que representa um passo à frente do multicanal, a empresa atua em vários canais, e eles estão integrados entre si. A intenção é oferecer uma experiência valiosa em toda a jornada de compra, sem obstáculos para se comunicar com a loja, comprar ou trocar um produto.

O omnichannel pressupõe que o cliente pode começar a sua jornada em um canal e terminar em outro.

E, independentemente do caminho que o consumidor traçar, ele deve seguir o fluxo de compra sem dificuldades.

A importância do SEO na jornada de compra

Se o omnichannel representa a atuação consistente e integrada da marca nos pontos de contato com o consumidor, é importante notar que os buscadores são um dos canais mais relevantes na jornada de compra.

Os dados da segunda edição da pesquisa State of Search Brasil, realizada pela Hedgehog Digital em parceria com a Opinion Box, ajudam a mostrar isso. Para os consumidores entrevistados, a pesquisa na Internet é o principal passo que tomam para iniciar uma compra.

Conforme o relatório, 23% dos consumidores que compraram em lojas físicas, 25% dos que compraram em lojas virtuais e 19% dos que compraram pelo smartphone pesquisaram inicialmente no Google e em outros buscadores. Marketplaces, buscadores de imagens, site da empresa e site da Amazon também apareceram na pesquisa.

Portanto, a otimização das páginas de produtos, de categorias e de blogposts é essencial para marcar presença na jornada de compra do consumidor.

Se a sua loja consegue alcançar as primeiras posições do Google nos resultados da busca orgânica, é possível fornecer as informações e os conteúdos que os usuários estão buscando.

Dessa forma, você pode atrair os consumidores até a sua loja, conduzi-los ao longo das diferentes etapas da sua jornada e ajudá-los a amadurecer sua decisão, enquanto estreita o relacionamento com eles. Essa é a ideia básica do inbound marketing, que tem o conteúdo e o SEO como pilares do funil de vendas.

Afinal, como SEO e omnichannel se relacionam?

O principal ponto de intersecção entre SEO e omnichannel é a experiência do cliente. Afinal, as duas estratégias têm esse foco.

A otimização de e-commerces tem o objetivo de alcançar melhores posições nos buscadores, mas o foco deve ser a experiência que o site oferece aos usuários. Se consegue oferecer uma navegação eficiente e conteúdos relevantes, o Google tende a valorizar esse site nos resultados orgânicos da busca.

Já o omnichannel refere-se à integração entre os canais de marketing e vendas de uma loja. O objetivo é criar uma experiência integrada e consistente para os clientes, de maneira que eles não percebam obstáculos entre os diferentes meios em que a loja está disponível.

Durante a jornada de compra, o consumidor passa por diferentes canais para pesquisar informações, comparar preços e analisar marcas. Essa trajetória é cada vez mais complexa e imprevisível, mas geralmente passa pelas buscas orgânicas.

Não importa o canal de vendas que o consumidor escolha – as pessoas provavelmente vão passar pela busca orgânica do Google antes de realizar uma compra.

Portanto, SEO e omnichannel se relacionam porque o Google representa um dos principais pontos de contato na jornada de compra, que direciona o consumidor para os diferentes canais de marketing e vendas da empresa.

O buscador pode levar o consumidor para o blog da empresa, para as redes sociais, diretamente para a compra no e-commerce ou até para a loja física, conduzindo a jornada de compra por diferentes canais, sem obstáculos entre eles.

O papel do SEO local no omnichannel

Um dos desafios do omnichannel é integrar canais online e offline com eficiência, já que os ambientes e os hábitos de compra são diferentes.

As vendas na loja física devem ser registradas no estoque da loja virtual, por exemplo. Caso contrário, o consumidor pode encontrar e comprar um produto no e-commerce que não está mais disponível no estoque da loja – e ter uma frustração com o cancelamento do pedido.

Da mesma forma, é preciso integrar o marketing digital com os pontos físicos. O desafio é levar o consumidor online para a loja física e transformar usuários da Internet em clientes.

Para isso, o SEO local tem um papel importante. Essa estratégia consiste na otimização de negócios locais para que sejam facilmente encontrados nas buscas orgânicas dos usuários que estão mais próximos da sua loja e pesquisam por negócios ou produtos do seu nicho.

O Google percebeu que esse tipo de busca se tornou cada vez mais comum, já que as pessoas procuram soluções para as suas necessidades perto de onde estão.

Por isso, o buscador oferece resultados diferenciados para as buscas locais, com uma seleção de empresas cadastradas no Google Meu Negócio e a localização dos estabelecimentos no Google Maps.

O Google Meu Negócio (ou Google My Business) é a principal ferramenta de SEO local. Se você tem um cadastro completo, com várias fotos e avaliações positivas de clientes, tem mais chances de estar nessa seleção de estabelecimentos que aparece no topo dos resultados das buscas locais.

O cadastro do Google Meu Negócio oferece campos para dados de endereço, telefone, horários e serviços (delivery, retirada etc.) da loja. Você pode inserir também o link para o e-commerce, mas a principal preocupação aqui é levar o consumidor até a loja física.

Além disso, o cadastro pode ter fotos, vídeos, perguntas e respostas, avaliações de clientes e até publicações da loja para anunciar ofertas e novidades. Quanto mais informações e conteúdos de qualidade você oferecer, melhor para o SEO local.

Enfim, perceba como SEO e omnichannel são estratégias fundamentais para a performance do seu e-commerce, porque focam na experiência do consumidor ao longo da sua jornada.

A experiência do consumidor começa desde os primeiros contatos com a loja e passa por diversos canais – antes, durante e depois da compra. Os buscadores podem participar dessa jornada desde o início, nas primeiras pesquisas, até a finalização da compra, quando direcionam o consumidor para os diferentes canais de vendas, inclusive a loja física, por meio das buscas locais.

Dessa forma, SEO e omnichannel devem focar na integração entre os canais e pontos de contato da loja com o consumidor, a fim de oferecer uma experiência relevante e consistente. Em busca da satisfação do cliente, essas duas estratégias devem se complementar.

Leia também: Tendência do voice commerce complementa a estratégia omnichannel 

 

O post SEO e omnichannel: como as duas estratégias podem se complementar apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre SEO e omnichannel: como as duas estratégias podem se complementar. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.