Ads Top

O Pix ficará muito melhor em 2022

Quando uma novidade chega no mercado existem muitas curiosidades a respeito. E isso ocorre na mesma medida em que aparecem apostas de todos os lados, sejam elas positivas ou negativas. Mas um ano depois da chegada do Pix no Brasil, não restam dúvidas de que a forma de pagamento é de um potencial gigantesco para o painel financeiro do país. No entanto, mesmo com essa afirmação, o nível desse serviço não vai parar por aí. Em 2022, o Pix fica ainda melhor.

Algumas funcionalidades serão acrescentadas ao meio de pagamento visando ampliar o seu uso e tornar a sua presença cada vez mais frequente na vida dos brasileiros. Segundo um estudo da Febraban, a aprovação do Pix foi de 76% para 85% em 12 meses, dando um salto de nove pontos. Para este ano, o propósito é de que o serviço domine o mercado das formas de pagamento. E sim, com todos os projetos que vem pela frente, isso é possível.

Em 2022, o Pix segue com a missão de democratizar esse universo apresentando grandes novidades e funções inéditas para melhorar a usabilidade do usuário. Da mesma forma, os novos produtos que serão acrescentados ao sistema do Banco Central irão atingir diretamente os lojistas, facilitando a gerência dos negócios.

A cada trimestre do ano, uma ou mais funções passam a integrar o sistema de pagamento. São elas: o Pix por aproximação; o débito automático; a cobertura internacional que o meio de pagamento vai permitir; o Pix parcelado, além do Pix offline. Fora isso, a parceria com o Open Banking tende a se popularizar ainda esse ano, abrindo muitas oportunidades para o público.

Mas, qual será a importância dessas novidades nas estratégias comerciais? O Pix por aproximação vai tornar as compras físicas mais rápidas e dinâmicas, diminuindo filas e facilitando as compras nos estabelecimentos comerciais. Isso sem dúvidas pode ser um grande atrativo para os clientes. Afinal, experiências de pagamento simples são um grande atrativo.

Enquanto isso, o débito automático vai atender diretamente as demandas de quem usa o serviço, possibilitando pagamentos recorrentes de contas (como energia, internet ou serviços de streaming). Essa função vem com tudo quando a ideia é melhorar a organização financeira. Por outro lado, o Pix offline e o Pix parcelado serão funcionalidades ótimas para ambos.

Quando entrar em vigor, o Pix offline vai permitir que os comércios recebam pagamentos via Pix de pessoas que não possuam internet — desde que o estabelecimento esteja conectado a uma rede. Essa é uma das novidades mais esperadas pelos usuários, já que não ter internet pode ter sido um impasse em alguns momentos.

Dando continuidade, o Pix parcelado também é um super complemento para esse serviço. A bandeira da inclusão digital e financeira vai seguir sendo levantada pelo Pix em 2022 e essa nova função é a prova disso. Também chamada de Pix garantido, o parcelado tem, como o próprio nome já diz, o objetivo de viabilizar compras parceladas por meio do Pix, dando oportunidade a pessoas que não possuem linha de crédito tradicional.

A soma de todas as novas funcionalidades provam que o meio de pagamento pode ficar cada vez melhor, isso sem citar o Pix internacional. Para fechar com chave de ouro, acho importante destacar essa função também, pois eliminará fronteiras, permitindo transações via Pix internacionalmente.

Para este ano, a modalidade de pagamento promete surpreender e seguir agradando usuários e e-commerces. Afinal, a inovação constante do Pix vai abraçar mais pessoas, conquistar mais lojistas e continuar dando espaço para uma nova era dos pagamentos digitais. A sociedade vem se inovando e o Pix, com todo seu potencial de inovação, contribui para esses avanços. Por aqui, estamos ansiosos para 2022 e para os próximos anos!

O post O Pix ficará muito melhor em 2022 apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre O Pix ficará muito melhor em 2022. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.