Ads Top

Clube de assinatura no e-commerce: vale a pena investir?

As compras por assinatura têm se tornado cada vez mais comuns entre os consumidores atuais. Afinal, elas trazem a praticidade que as pessoas procuram, principalmente, no que se refere à aquisição de produtos que contam com uma curadoria especial e que, neste formato, apresentam excelente custo-benefício. Ou, ainda, de itens que se destacam pela necessidade de comprar frequentemente. Mas a pergunta que fica é: vale a pena investir num clube de assinatura no seu e-commerce? E quais são os maiores desafios de levar esta estratégia para o seu negócio? Neste artigo eu apontarei as principais vantagens desta tática e como ela pode fazer parte da realidade da sua loja virtual.

O potencial de investir num clube de assinatura no e-commerce

O clube de assinatura pode até ser uma tendência recente no e-commerce, mas não é bem uma novidade no mercado. Não é de hoje que jornais e revistas, por exemplo, são comercializados desta maneira. Entretanto, não podemos negar que através do comércio digital ele ganha uma dimensão ainda maior. Aliás, isso pode ocorrer em termos de oportunidade de negócio dentro dos mais variados segmentos, ou em facilidade de operação e divulgação em comparação à versão tradicional.

A partir desta estratégia, os produtos são vendidos com recorrência, normalmente em planos de assinatura mensais, semestrais ou anuais. Além de ser um formato de venda bastante comum em outros países, como nos Estados Unidos, aqui no Brasil também já podemos ver diversos e-commerces de vinhos, livros e produtos de beleza, por exemplo, contarem com um clube de assinatura.

Mas, afinal, quais são as vantagens do clube de assinatura?

Para o e-commerce, os benefícios giram em torno de:

  • aumento da recorrência de compras;
  • fidelização dos consumidores;
  • crescimento do ROI (Retorno sobre o Investimento);
  • expansão do tempo de vida do cliente dentro da empresa (Lifetime Value);
  • e redução do custo de aquisição por cliente.

Afinal, é menos dispendioso vender para os consumidores que já são seus compradores antigos do que atrair e conquistar novos. Isso sem mencionar o diferencial competitivo que você passará a ter, já que ainda não existem muitas lojas virtuais no Brasil que contam com um clube de assinatura.

E para os consumidores?

Já em relação aos consumidores, as vantagens têm a ver com:

  • praticidade;
  • comodidade e conforto trazidos por este tipo de compra;
  • exclusividade do kit que será recebido por um valor mais interessante;
  • chance de conhecer e experimentar inúmeros produtos diferentes e sair da obviedade;
  • além da sensação de surpresa quando os itens chegam.

Como forma de se reinventar, diversas empresas brasileiras decidiram investir em clubes de assinatura durante e após a pandemia. Para se ter uma ideia, este modelo de negócio registrou um aumento de 18% entre janeiro e setembro de 2021, alcançando R$ 1 bilhão de faturamento. Sem contar que, no decorrer deste período, foram lançados cerca de dois mil novos clubes, batendo uma média de seiscentos e cinco novos assinantes por dia.

Dicas práticas para ter um clube de assinatura de sucesso

Um dos maiores desafios na hora de incorporar esta tática ao e-commerce é em relação aos custos da operação e ao valor que será cobrado aos consumidores pela assinatura. É importante ter em mente que mesmo que os kits não tenham uma alta margem de lucro, é mais interessante adquirir o máximo de assinantes possível e clientes fiéis do que cobrar um valor muito alto e ter pouca adesão. Também é fundamental contar com uma plataforma de e-commerce versátil, que possibilite este tipo de operação, bem como os parceiros certos para a viabilização do projeto.

Além disso, pense em kits que despertem o desejo e a curiosidade dos consumidores. Para isso, seguir uma proposta de itens personalizados é um excelente caminho. Já no que diz respeito à recorrência, é importante levar em conta os seus produtos e as necessidades dos seus clientes. Também é possível dar a eles a opção de escolher esta frequência. E o melhor: mesmo começando a trabalhar com o clube de assinatura, você não precisa parar com as vendas normais. Além de ser possível aliar os dois tipos de operação, as suas oportunidades de negócio aumentarão.

O post Clube de assinatura no e-commerce: vale a pena investir? apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre Clube de assinatura no e-commerce: vale a pena investir?. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.