Ads Top

Como vender pelas redes sociais e canais de comunicação com segurança?

Às redes sociais deixaram de ser apenas canais para relacionamento, atendimento e exposição de produtos e serviços. Com a migração dos negócios físicos para o online, essas plataformas tornaram-se canais de vendas ativas. Nelas, o consumidor é capturado, passa pela negociação, realiza o pagamento e mantém o relacionamento com a “loja”.

A última edição do Webshoppers, estudo feito a cada seis meses pela Ebit | Nielsen, aponta que o crescimento do e-commerce brasileiro no primeiro semestre de 2020 registrou um aumento de 47%, o maior em 20 anos. E quando eu falo em e-commerce, gosto de lembrar que a maioria dos empreendedores prefere iniciar sua jornada pelas redes sociais.

Em média, cada pessoa no Brasil passa 241 minutos por dia em redes sociais, segundo pesquisa da empresa britânica GlobalWebIndex. E nesse tempo são diretamente atingidos por publicidades, assim como conteúdos compartilhados entre os próprios usuários.

Fraudes nas transações por redes sociais

Mas, essa venda que parece ser saudável, muitas vezes esconde fraudadores se passando por lojistas — ou mesmo compradores aplicando golpes em empreendedores. E isso tem aumentado a cada dia.

O que muitos empreendedores não se atentam, mas que pode fazer toda a diferença e garantir a segurança de que está vendendo e comprando, é a utilização de um meio de pagamento que assegure a transação. Neste caso, atua como uma retaguarda de segurança (barrando qualquer tentativa de fraude), ao mesmo tempo que transmite segurança ao comprador.

O link de pagamento é o recurso mais indicado e utilizado nesta situação. Por meio do link de pagamento, o consumidor realiza a compra e essa transação é verificada por ferramentas que realizam uma tratativa e garantem se tratar de uma transação idônea. Em contrapartida, o lojista tem o respaldo de minimizar qualquer tentativa de fraude ou utilização de cartões clonados.

Benefícios do link de pagamento

Com o link de pagamento o empreendedor não precisa ter um e-commerce, próximo passo para quem deseja ter escalabilidade online. Isso porque o intuito é que o vendedor envie este link por canais como e-mail, WhatsApp, Direct das redes sociais e todos aqueles espaços em que é possível compartilhar um link.

Além disso, a facilidade de emissão do link de pagamento garante ao lojista uma gestão mais precisa dos pagamentos — é possível acompanhar os links gerados e seus status. A ferramenta tem viabilizado diferentes nichos de serviços direcionados à uma pessoa ou a um grupo que utilizará o mesmo link. Por isso, também tem sido associado à possibilidade de comercialização de produtos com valor padrão, como cursos e mentorias.

Sendo assim, a utilização dessa ferramenta aumenta consideravelmente as taxas de conversão de uma loja por meio das redes sociais ou mesmo pelo WhatsApp. E, claro, eleva a segurança tanto para o lojista quanto para o consumidor.

O post Como vender pelas redes sociais e canais de comunicação com segurança? apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre Como vender pelas redes sociais e canais de comunicação com segurança?. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.