Ads Top

Automação no varejo: como o crediário digital otimiza seu negócio?

Em um cenário de maior concorrência e margens de lucro mais apertadas, a automação no varejo permite aos lojistas aumentar sua eficiência nos negócios, reduzir custos e entregar uma melhor experiência para o consumidor.

As maiores marcas do setor já compreenderam que, para crescer no mercado atual, é preciso ir além das tarefas manuais. Hoje, está cada vez mais comum automatizar cada etapa das vendas: desde a seleção dos itens que aparecem no e-commerce, passando pelo controle de estoque, até a separação de produtos por robôs.

Mas você não precisa ser um gigante do varejo para investir na otimização da sua loja virtual. A automação nada mais é do que delegar à tecnologia tarefas repetitivas que gastam tempo e recursos desnecessários no seu negócio. E algumas dessas soluções tecnológicas estão mais perto do que se imagina, como descobrirá a seguir.

Panorama da automação no varejo brasileiro

É certo que o cenário de pandemia acelerou a automatização de tarefas e processos no varejo, dentro de um contexto mais amplo de transformação digital. No entanto, o setor ainda tem muito o que avançar no Brasil.

De acordo com a 3ª edição do estudo Transformação Digital no Varejo Brasileiro, produzido pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC), o investimento em tecnologia deu um salto nos últimos anos. Em 2020, 69% dos varejistas investiam na transformação digital e 42% viam nela uma prioridade para o desenvolvimento dos negócios. Já em 2021, esses números subiram para 90% e 57%, respectivamente.

Por outro lado, a GS1 Brasil – Associação Brasileira de Automação – avalia que a automação no varejo tem um longo caminho a percorrer. O Índice de Automação no setor ainda estava em 0,241 em 2020, em uma escala entre 0 e 1, sendo 1 o mais avançado. Esse indicador analisa itens como sistemas, relacionamento com o cliente, atendimento e logística.

Para completar, como aponta o relatório “Inovação em crescimento na América Latina: Lições de líderes inovadores na região”, da Visa, 74% dos varejistas na região ainda estão em um nível iniciante ou intermediário de transformação digital.

Vantagens da automação no varejo

Do ponto de venda ao estoque, automatizar tarefas traz enormes vantagens para os lojistas.

  • Maior eficiência do negócio: um software pode realizar atividades com rapidez e nível de precisão que o ser humano não é capaz de igualar.
  • Melhor desempenho da equipe: os colaboradores passam menos tempo com tarefas repetitivas e podem desempenhar funções mais estratégicas para o negócio.
  • Melhor controle de estoque e suprimentos: alguns sistemas permitem não só automatizar a reposição de itens, como geram insights sobre aumento ou redução na demanda.
  • Integração de dados e canais: na era do varejo omnichannel, é fundamental ter uma ferramenta como o sistema de gestão integrado ERP, que permite monitorar as vendas, administrar contas, acompanhar processos internos da empresa, entre outras funções, tudo em um só lugar.
  • Melhor experiência para o consumidor: segundo a Forrester, quando se trata de avaliar a experiência com a marca, 77% dos consumidores valorizam principalmente o tempo gasto. E a automação poupa um tempo precioso.
  • Personalização do relacionamento com o público: cada cliente tem seus interesses, seu jeito de comprar e sua forma de pagamento favorita. Somente com a tecnologia é possível personalizar ofertas e soluções em grande escala.
  • Maior competitividade no mercado: quando a empresa consegue reduzir custos com falhas humanas, tem processos mais eficientes e oferece maior agilidade e comodidade para o consumidor. Consequentemente, ela ganha um diferencial competitivo.

Automação em pagamentos

A automação no varejo é um processo que ocorre em ritmo crescente há muitos anos. Pense nos meios de pagamentos na loja física, por exemplo. Do dinheiro e cheque, passamos aos cartões de crédito e débito que agilizaram o tempo no caixa. Então, chegaram os cartões por aproximação e os caixas de autoatendimento, trazendo ainda mais rapidez para o consumidor.

No varejo online, essa evolução também está em curso acelerado. Novas opções de pagamento, como o crediário digital, são outras formas de melhorar a experiência do cliente.

Nesse sentido, o próprio e-commerce é uma otimização da jornada de compra. Tanto que o meio digital é preferido nas compras de 50% dos brasileiros, segundo pesquisa da Opinion Box.

Como o crediário digital otimiza seu negócio?

Falando em crediário digital, essa solução ajuda a resolver um dos maiores gargalos do comércio eletrônico: o checkout.

O Brasil hoje tem um vasto universo de consumidores digitais. São cerca de 80 milhões de pessoas, como revela a EBIT | Nielsen. Ao mesmo tempo, o país tem 16,3 milhões de cidadãos sem acesso a contas bancárias, segundo o Instituto Locomotiva, e uma grande parcela de indivíduos com um limite de crédito restritivo para compras.

Ou seja, as formas de pagamento oferecidas pela loja virtual impactam diretamente na taxa de abandono do carrinho.

Aí entra o fenômeno mundial “buy now, pay later”. Em português: compre agora, pague depois. Ele permite parcelar compras em até 24 vezes via boleto e Pix, com o recebimento do valor garantido ao lojista pela empresa mediadora do pagamento. Essa é uma alternativa ao parcelamento no cartão de crédito que contribui para aumentar as taxas de conversão no e-commerce e elevar o ticket médio do carrinho de compras.

A solução pode ser integrada à loja virtual por API. Então, quando o consumidor selecionar essa opção de pagamento, ele será direcionado automaticamente para finalizar o processo na empresa parceira, que fica responsável pelas cobranças mensais.

Para completar, o crediário digital ainda reduz a necessidade de investir no engajamento dos clientes que abandonam seus carrinhos, o que implica custos de marketing e margens de lucro menores com produtos em desconto. Isso porque a solução evita que muitas dessas pessoas abandonem a compra, em primeiro lugar.

A automação no varejo, portanto, pode ser tão simples quanto oferecer mais flexibilidade nos meios de pagamento. Seja como for, ela traz grandes vantagens para o setor, que dependerá cada vez mais dela para continuar conquistando o consumidor.

Leiam também: Parcelamento via boleto e Pix é tendência entre segmentos do e-commerce

 

O post Automação no varejo: como o crediário digital otimiza seu negócio? apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre Automação no varejo: como o crediário digital otimiza seu negócio?. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.