Ads Top

As principais mudanças nas funcionalidades do Google Ads

Você sabe o que é e como funciona o Google Ads? Se você quer conquistar mais clientes e consolidar sua marca no mercado, saiba que essa ferramenta do Google é muito útil, podendo trazer resultados inimagináveis para sua empresa.

A ferramenta do Google Ads criou maturidade na última década e alcançou nível mundial, sendo verdadeiro sinônimo de expansão e visibilidade. Afinal, contribui significativamente para criar novas oportunidades de negócio e para impulsionar diversas marcas.

O que é Google Ads?

A plataforma lançou sua primeira versão em 2000 e, desde então, se trata de uma ferramenta para realizar publicidade online dos anúncios de uma empresa. Os anúncios são exibidos por meio de links patrocinados quando um usuário realiza alguma busca no Google.

Os resultados são baseados nas palavras-chave que são utilizadas no momento de inserir o assunto no campo de pesquisa. Mesmo com o surgimento de outras plataformas no mercado, o Google Ads ainda encabeça a liderança do ranking de receitas com publicidade online.

Isso demonstra o tamanho do poder que essa ferramenta alcançou. Além disso, mostra o grau de confiança que as empresas depositam nessa grande plataforma de publicidade online. Mas o que faz o Google Ads se destacar tanto assim? Saiba que não é somente a questão da publicidade, mas a capacidade de transmitir a mensagem da empresa para uma audiência mais qualificada, através de uma alta segmentação específica.

No exato momento em que uma busca é feita, o usuário se depara com o anúncio de um serviço ou produto relacionado ao que está buscando. Para que a atenção dos consumidores seja atraída, tais anúncios são estrategicamente posicionados na página de busca, como no rodapé ou no topo.

Além de sua forte presença no segmento da pesquisa, a plataforma exibe, também, anúncios em forma de vídeos e banners em vários sites que têm parceria com o Google. Porém, vale destacar que ao longo de sua trajetória, o Google vem modificando certas funcionalidades a fim de deixar a plataforma cada vez mais aperfeiçoada e capaz de gerar resultados mais promissores para os anunciantes.

1 – Anúncios laterais

Caso você utilize o buscador do Google em notebooks e computadores, provavelmente notará que os anúncios laterais não existem mais. Essa mudança foi realizada para incentivar os investimentos na publicidade voltada para o mobile.

Atualmente, os anúncios são visíveis somente na seção principal, localizados no topo do resultado da busca. No entanto, vale destacar que o lado direito da tela não ficará necessariamente vazio, já que pode ser utilizado para exibir informações específicas ou para listar os produtos disponíveis no Google Shopping.

2 – Anúncios que aparecem na lista de resultados

Outra significativa mudança do Google Ads foi a diminuição da quantidade de anúncios que aparecem no topo do resultado orgânico. Esse número caiu de quatro para somente três exibições, fato que impacta de forma direta a concorrência do anúncio para ficar na primeira página do Google.

Essa diminuição na quantidade de anúncios a serem publicados na tela gera um grande impacto na forma como as empresas almejam trabalhar as campanhas que são patrocinadas dentro da plataforma, já que aumenta a concorrência por certas palavras chaves.

Como você sabe, não basta apenas aparecer no Google Ads, também é preciso ficar posicionado nos primeiros lugares para que os usuários se sintam atraídos e sejam convertidos para a página da empresa. Sob a perspectiva do usuário, tais mudanças trouxeram grandes benefícios, já que diminui a poluição visual, o que torna a busca pelos anúncios mais facilitada.

Dentro desse contexto, é preciso que os anúncios, as palavras chaves, campanhas e segmentação sejam trabalhadas de forma mais otimizada, sendo fundamental para gerar leads com menores custos.

3 – As cores dos indicadores de anúncios

Essa mudança pode parecer algo simples, porém traz um impacto grande para os anunciantes. A cor foi alterada para diferenciar o resultado orgânico dos anúncios que são patrocinados pelo Google Ads. A diferença entre o resultado orgânico e um anúncio é uma etiqueta em que está descrita a expressão “Anúncio”.

nteriormente, a palavra aparecia em cor amarela, demonstrando para o usuário que a publicidade era patrocinada. Atualmente, a plataforma mudou para a cor verde, fazendo com que os anúncios se assemelham mais ao resultado orgânico.

Dessa maneira, os usuários podem não clicar nas propagandas, porém, se estiverem desatentas, acabam sendo direcionado para página da empresa. Essa simples e pequena operação foi capaz de elevar os cliques contabilizados por campanha, o que acarreta, consequentemente, em conversões.

4 – Extensão do preço

A extensão do preço tem o objetivo de mostrar aos usuários quais são os valores de certos serviços ou produtos antes que eles cliquem em um anúncio, como forma de chamar a sua atenção. Essa ferramenta está disponível somente para as buscas feitas em dispositivos móveis.

Além disso, para que a ferramenta seja exibida, é preciso que o anúncio esteja adicionado nos primeiros lugares dos resultados. Outro ponto a ficar atento se refere à atualização dos preços, já que isso não ocorre de forma automática. Por isso, é preciso que o valor seja alterado manualmente, toda vez que o preço também for alterado no site.

O post As principais mudanças nas funcionalidades do Google Ads apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre As principais mudanças nas funcionalidades do Google Ads. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.