Ads Top

O poder dos digital influencers nas vendas do e-commerce

Os digital influencers estão por toda parte nas mídias digitais, construindo um novo parâmetro para as vendas no mundo online. E é bom não duvidar do poder que eles possuem em influenciar e direcionar produtos para que a audiência deles consuma.

Mas será que você sabe de que forma um influenciador digital pode auxiliar as vendas do seu e-commerce?

Por isso desenvolvemos esse artigo. Para que você conheça o poder que os influencers possuem nas vendas do e-commerce, além de saber os tipos de negociações viáveis e qual o retorno que essa parceria pode trazer para você.

Boa leitura!

Como identificar o digital influencer ideal para seu nicho?

Saber identificar qual o perfil de influencer que se adequa melhor ao seu e-commerce é ideal. Pode não ser uma tarefa tão simples, mas é importante encontrar um influenciador que represente da melhor forma os valores da sua empresa.

Por isso, você tem que entender bem sobre a sua audiência e escolher o profissional que mais se adequam ao seu produto e a seus futuros novos clientes. Se o influencer trabalha através de mais de uma rede social, cada uma irá requerer uma estratégia diferente, além de um conteúdo de qualidade para a audiência.

Sendo assim, nós vamos mostrar a você qual a melhor forma de identificar o influenciador ideal para sua empresa, confira as dicas!

1. Nicho em que ele está inserido

Bom, se o seu produto é voltado para o nicho de beleza e cosméticos, por exemplo, você precisa escolher uma pessoa que seja engajada nessas temáticas.

Da mesma forma, serve para qualquer outro nicho. É necessário escolher um digital influencer que trabalhe com a mesma temática que você, onde ele mostre o dia a dia, como utiliza os produtos, o resultado que a pessoa obtém com eles, e consequentemente, isso irá gerar autoridade para a marca.

2. Observe os seguidores

Hoje em dia é muito fácil encontrar perfis com seguidores comprados, então fique atento! Não é nada bom fazer parceria com influenciadores que compraram seguidores. Isso não ajudará em nada a empresa, pois não irá agregar em nada nas vendas e autoridade da marca.

3. Fique atento ao engajamento nas postagens

O fato de um influenciador ter muitos seguidores, não significa que ele possui um bom engajamento. É sempre importante ficar atento aos comentários e curtidas. Isso pode refletir se está havendo rejeição ou não, por parte do público.

4. Verifique o conteúdo postado pelo influencer

É muito importante um conteúdo bem feito e interessante. Isso faz parte dos fatores que atraem o público, concorda? Nas mídias digitais, hoje em dia, ganha espaço quem oferece conteúdo relevante e autêntico.

A audiência se identifica com pessoas autênticas, por isso é necessário que você, ao escolher um influenciador para sua marca, fique atento ao conteúdo que foi postado por ele.

Procure saber se não há nenhuma polêmica em que ele esteja envolvido. É sempre bom fazer aquela busca na internet, para ver se está tudo bem e se ele corresponde aos valores da sua marca.

5. Verifique as marcas que trabalham com ele

É essencial analisar quais são as empresas com as quais o influenciador está trabalhando ou já trabalhou. Isso vai ajudar você a ter um norteamento sobre uma futura parceria com ele.

Tipos de negociações que ocorrem com influenciador

É óbvio que, ao se trabalhar com um influenciador digital, ele precisará se beneficiar de alguma forma na parceria com a marca.

Existem alguns tipos de negociações possíveis para serem desenvolvidas com eles, como por exemplo, permuta, publipost e comissão. Toda negociação irá depender do influenciador e de quais são os seus objetivos ao negociar com ele.

Permuta

A permuta geralmente é uma forma de negociar com o influencer e pode ser bastante vantajosa tanto para sua marca quanto para ele.

Esse formato de negociação funciona da seguinte forma: a marca oferece seus produtos/serviços e, em troca, o influenciador entra com a criação de conteúdo, sendo um sistema que oferece benefícios para ambos os lados.

No entanto, tudo isso tem que ser feito através de contratos estabelecidos para que ambas as partes estejam cientes do acordo.

Desta forma, é importante mostrar ao influenciador digital, quais os pontos positivos do produto do seu e-commerce, mostrando a ele que suas soluções podem se encaixar ao que ele precisa.

Além disso, não se esqueça de solicitar ao criador de conteúdo as métricas de seu perfil, para que você tenha acesso ao desempenho e das ações da rede social dele.

Publipost

O publipost é um acordo feito com o influenciador, onde ele irá receber X valor para o número de postagens que foi acordado entre vocês. A quantia vai depender muito de alguns fatores específicos. Um deles é o tamanho da audiência dele.

Vale a pena optar por acordos com microinfluencers. Como falamos anteriormente, nem sempre será mais lucrativo para você contratar alguém só pelo número de seguidores.

Através da mídia kit dele, você tem como ter acesso aos dados da audiência dele, as marcas que ele já trabalhou, quantidade de curtida nas postagens, entre outras coisas.

Comissão: programa de afiliados

O programa de afiliados funciona quando um afiliado divulga o produto de uma marca para o nicho que ele está inserido, e em troca ele recebe uma comissão para cada venda ocasionada por ele. Desta forma, ele só receberá pelos resultados obtidos.

Porém, grande parte dos influenciadores digitais não gosta muito dessa opção, por ela não oferecer garantia de que ele será recompensado pelo seu trabalho.

Retorno que a parceria com um digital influencer pode ocasionar

Você deve estar se perguntando, qual será o retorno que você vai receber fazendo essa parceria, não é mesmo?

Primeiramente, você atrairá leads para sua marca.

O trabalho do influenciador é justamente fortalecer a imagem da sua marca, transmitindo confiança e divulgando seu produto, mostrando as qualidades que ele apresenta. Desta forma, o influenciador pode proporcionar o impulso necessário para sua marca!

No entanto, vale salientar que não existe formula mágica para nenhum negócio. O trabalho do influenciador precisa estar atrelado a uma estratégia de marketing de conteúdo bem elaborada, contando com SEO e campanhas de e-mail.

Sendo assim, um trabalho bem elaborado ao lado de um criador de conteúdo que proporciona um gás a mais para sua campanha, divulgando seu produto de forma criativa, pode sim oferecer retorno rápido ou quase imediato para o seu e-commerce.

Este artigo foi útil? Compartilhe!

Leia também: Quais dados íntimos a Amazon coleta de seus clientes e como faz isso

O post O poder dos digital influencers nas vendas do e-commerce apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre O poder dos digital influencers nas vendas do e-commerce. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.