Ads Top

Como escolher o melhor canal de vendas

Para garantir uma presença digital forte, o empreendedor de e-commerce precisa escolher os canais de venda que deseja comercializar os seus produtos. Dessa forma, é possível criar um ecossistema de vendas integrado e contínuo.

A partir da escolha dos canais de venda é que o gestor do negócio passa a pensar em estratégias específicas para atrair mais vendas, sejam elas nos canais online ou offline.

Neste artigo, vamos entender como escolher os canais e em quais o seu negócio deve estar presente. Confira!

Conheça os canais de venda

O trabalho no e-commerce possibilita ao lojista vender, não somente na loja virtual própria, mas também em múltiplos canais de forma concomitante. É uma forma de dar maior capilaridade para o negócio e atingir novos públicos.

É preciso entender que existem os canais de venda digitais (lojas online, marketplaces, redes sociais) e os canais de venda físicos através das lojas físicas.

A escolha dos canais de venda é um momento importante já que se pode escolher entre vender online, vender offline, integrar loja física e virtual, vender através de marketplaces ou redes sociais.

É preciso conhecer as particularidades de cada canal para poder fazer boas apostas e aumentar as vendas em diferentes ambientes de compra. Vender em múltiplos canais é uma forma de dar ao negócio caráter híbrido e omnichannel.

Os canais de venda online podem ser:

  • Loja Virtual: cadastramento de seus produtos em site próprio para vender online;
  • E-mail marketing: estratégia de relacionamento com os clientes, através de e-mails com promoções, novidades e conteúdo;
  • Marketplaces: alternativa importante para quem deseja ampliar o negócio, já que o consumidor busca cada vez mais os marketplaces como um caminho de compras, atingindo públicos mais amplos, contando com a grande visibilidade do player e gastando menos energia em divulgação de anúncios;
  • Redes sociais: canal fundamental para se relacionar com o cliente e também efetuar vendas. As redes sociais estão bastante inseridas na rotina dos consumidores, e ser impactado por anúncios ou posts traz resultados interessantes na conversão de vendas;
  • Google Ads: ferramenta de anúncios do maior buscador do mundo e é uma boa maneira de vender produtos e serviços, a fim de colocar os seus produtos nas primeiras páginas de pesquisa;

Já os canais offline podem ser em formato de:

  • Ponto de Venda:ponto de venda (PDV) é  apresentado em diversos formatos, seja na loja física por exemplo, ou em mostruários em franquias ou lojas de departamentos, o que garante uma boa exposição a um público mais amplo.
  • Venda direta: formato em que o vendedor entra em contato com sua lista de clientes e envia seus produtos, ofertas e pode marcar uma visita ou mesmo entregar em casa;
  • Telemarketing: consiste em fazer vendas pelo telefone, e está perdendo sua relevância a cada ano, já que a internet é um meio mais facilitado e barato de se relacionar com o cliente;

Como escolher o melhor canal de vendas? 

A escolha dos canais de venda vai depender bastante do seu nicho de negócio e público alvo. A parte boa é que não é preciso escolher apenas um formato, mas sim, trabalhar com múltiplos canais de venda como uma estratégia para criar uma presença virtual forte e testar onde as vendas ocorrem com mais facilidade.

O melhor canal é sempre onde o seu público alvo está. Por isso, antes de tudo, é preciso conhecer quem é o seu consumidor, quais os canais de compra mais utilizados por ele e como atrair a sua atenção.

Consumidor omnichannel, vendas omnichannel

A transformação digital assim como a pandemia certamente aceleraram os processos de digitalização dos negócios, mudando também os hábitos de consumo. O cliente não quer ter a percepção se a marca que ele consome é física ou digital. Ele quer estar imerso na experiência de compra e garantir os seus produtos com a maior facilidade possível.

O diferencial do omnichannel é, portanto, a integração. Desde o layout do aplicativo até o atendimento virtual e físico. Sendo assim, facilita a comunicação, a compra e também a troca de produtos, quando necessário.

Para a experiência acontecer, o lojista deve contar com um sistema de gestão online e em nuvem para garantir o acesso de qualquer lugar e poder integrar os diferentes canais em uma única plataforma de gestão.

Criar uma presença digital forte também passa por organizar a operação interna e garantir que a experiência na jornada de compra do cliente seja satisfatória, fazendo com que ele retorne.

Leia também: 80% dos compradores abandonam varejista após 3 experiências ruins, aponta Salesforce

O post Como escolher o melhor canal de vendas apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre Como escolher o melhor canal de vendas. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.