Ads Top

Como reduzir custos operacionais em seu e-commerce

A gestão de seu e-commerce possui muitos custos e você sente que isso atrapalha seu faturamento final?

Então, pode ser que sua loja virtual esteja com alguns gastos desnecessários. Separei quatro dicas para reduzir esses custos operacionais e, consequentemente, faturar mais.

Plataforma com integrações e recursos nativos

Se você vende em marketplaces e redes sociais, essa vai especialmente para você.

Não é de hoje que se sabe que o marketplace é um dos maiores canais que um e-commerce pode ter, aind mais se estiver dando seus primeiros passos.

Entretanto, para entrar em diversos markeplaces, é necessário um HUB de integração. Sobretudo, essas ferramentas extras possuem custos.

Logo, uma maneira de cortar esse investimento extra é contratando uma plataforma de e-commerce que já tenha integração nativa com marketplaces. Ou seja, apenas através da plataforma, é possível integrar com esses grandes sellers.

Além disso, com a plataforma totalmente conectada, as vendas se reúnem apenas em um espaço. Logo, o lojista consegue economizar tempo para administrar as vendas.

Ademais, conexão direta com redes sociais também é um diferencial de uma plataforma. Procure por aquelas que facilitem o contato com seu cliente dentro da própria plataforma de e-commerce.

Negociação com fornecedores e parceiros

Saber negociar é a base para comprar produtos com menores preços.

Contudo, não é necessário ter “lábia” para conseguir boas negociações. O segredo está em construir bons relacionamentos, não só com seu cliente final, mas também com seus fornecedores e parceiros.

Pessoas bem relacionadas e com ótimo networking, levam vantagem para negociar e para serem priorizados em momentos de escassez.

Produtos encalhados no estoque

Você possui produtos que não vendem?

Esse é um problema que muitos e-commerces enfrentam. Além do cuidado para as próximas compras, existe uma estratégia para fazer o estoque girar.

Você pode criar kits de produtos e incluir neles esses itens que estão parados. Isso, claro, se o produto fizer sentido com o kit.

Outra forma é utilizar o compre junto — onde sua loja sugere a compra do produto X junto ao produto que está prestes a ser encomendado. Neste caso, é importante que a plataforma possua esse recurso.

Investimento em recompra

O cliente que volta para comprar em sua loja é aquele que necessita de menor investimento entre todos.

Isso porque você não precisará capturá-lo com marketing em diversas redes sociais e insistir para tentar conquistá-lo.

Se ele retornou, foi porque a experiência de compra foi satisfatória e ele passou a confiar em sua marca para comprar online.

Para gerar essa experiência e vender mais para os mesmos clientes — e, consequentemente, investir muito menos — , será necessário um processo de compra facilitado, diversidade de produtos, flexibilidade de pagamento, frete acessível e surpresa positiva no momento do recebimento.

O famoso unboxing faz toda a diferença. Um produto muito bem embalado demonstra preocupação da loja, além dos brindes que podem ser enviados para conquistar de vez o cliente. Sem falar no cupom de desconto para voltar a comprar.

Sem dúvida, esse cupom para uma segunda compra é excelente para impulsionar a venda.

O post Como reduzir custos operacionais em seu e-commerce apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre Como reduzir custos operacionais em seu e-commerce. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.