Ads Top

Saiba como criar um logo para o seu e-commerce

Ter um e-commerce se tornou fundamental para a sobrevivência do seu negócio. Devido a pandemia do novo coronavírus, o número de lojas virtuais cresceu 81% em abril, o que gerou 24,5 milhões compras online. Trata-se de um crescimento de 98% em relação ao ano passado.

Porém, diante deste cenário onde milhares de negócios virtuais surgiram, cresce também a concorrência entre as marcas. Afinal, agora todos querem a atenção dos consumidores.

Diante de tantas opções, é preciso que a sua loja se diferencia das outras, para gerar uma identidade para o público. Por isso é importante criar o logo para sua loja virtual.

Por mais que você busque o auxílio de um profissional da área, é importante conhecer quais elementos compõem um logotipo de sucesso. Neste artigo, apresentarei os elementos principais para, quando contratar um profissional de criação de logotipos à sua loja, já ter um entendimento sobre o que uma marca de sucesso precisa.

O que é um logotipo?

O logotipo (ou logo) é a representação visual da sua marca. Ele pode ser composto por um texto, uma imagem ou por ambos elementos.

Por meio do logo uma empresa é capaz de transmitir o seu posicionamento para o público, agregar valor ao seu produto ou serviço, além de gerar conexão com o público.

5 elementos fundamentais para um logo de e-commerce

Cada designer ou profissional que trabalhe com branding possui às suas próprias técnicas para criar um logotipo. É importante que toda a identidade visual da loja acompanhe o logo.

Se optar por um logo no estilo flat desig no seu negócio, então é preferível que todos os elementos do site sigam o mesmo estilo.

Existem elementos que sempre estão presentes nos logos de marcas de sucesso. Abaixo vamos entender cada um deles.

1 – Simplicidade

Durante a criação do logo, é fundamental que o designer leve em consideração a simplicidade e a adaptação.

É preciso conhecer muito bem o seu público-alvo, a fim de elaborar algo que seja capaz de transmitir a mensagem da marca.

Foque em uma mensagem principal. Mesmo que a sua empresa ou produto resolva diversos problemas, procure ser específico. Muitas informações podem acabar confundindo as pessoas, gerando problemas para a sua empresa.

Pense no logotipo da Nike: a tipografia é simples. O nome faz referência à deusa da mitologia grega Nice. O símbolo, que é chamado de Swoosh, representa as asas da deusa, passando a mensagem do quão rápido eles são. Lembre-se, menos é mais.

2 – Fácil memorização

Um logo simples contribui para a fácil memorização — e estar na mente dos consumidores pode fazer toda a diferença entre os seus concorrentes.

As pessoas são expostas às milhares de marcas e mensagens a todo tempo, e isso torna a atenção das pessoas cada vez mais disputada.

3 – Não siga tendências passageiras

Todo ano a Pantone elege as cores do ano seguinte. Embora isso represente as tendências do mercado, sua empresa não deve mudar as cores do logotipo todo ano.

Lembre-se que o logo é uma forma de se comunicar com o seu público. Por isso, qualquer alteração deve estar alinhada com a sua estratégia de comunicação.

Se pensarmos em um logo que teve poucas alterações durante os anos, podemos utilizar como exemplo o da Starbucks, que mantém a mesma imagem desde a sua criação.

4 – Seja adaptável

É normal que alguns designers queiram mostrar todo o seu talento, criando logotipos cheios de detalhes e cores. Porém, isso pode ser uma grande armadilha.

É preciso pensar nas diversas aplicações que este logo poderá ter. Alguns exemplos:

  • O logo pode ser reconhecido quando for utilizada apenas uma cor?
  • Ele pode ser impresso em diferentes materiais, sem prejudicar a leitura?
  • É possível aplicá-lo em diferentes tamanhos?

Por isso é tão importante buscar a simplicidade ao criar o logo, a fim de evitar futuras dores de cabeça.

5 – Gere empatia com o público

Pense sempre no mercado em que irá atuar, como se comporta o seu público, como são os logos dos concorrentes, etc.

Utilizar muitas cores em um ramo que seja muito formal, como é o caso da advocacia, pode tirar toda a credibilidade da empresa. Isso porque este é um ramo em que as pessoas prezam pela formalidade.

Porém, esta mesma regra não se aplica em uma empresa de tecnologia, que precisa acompanhar as evoluções do mercado.

Criando o logo

Agora você já possui diversas informações para desenvolver a sua marca. Existem centenas de ferramentas para criar logotipo. Fáceis de usar, permitem à maioria das pessoas criar um logo em poucos minutos.

Lei cada etapa com atenção. Pesquise bastante para não cometer nenhum tipo de plágio. Aconselho buscar no INPI (Instituto Nacional da Propriedade Intelectual) e verificar se alguém já registrou a sua ideia. Como o processo não é tão simples quanto parece, é recomendável buscar um acompanhamento profissional.

Tem alguma dúvida sobre como criar um logo? Compartilhe nos comentários!

O post Saiba como criar um logo para o seu e-commerce apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre Saiba como criar um logo para o seu e-commerce. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.