Ads Top

O desafio de manter os negócios operacionais e as pessoas saudáveis

É fato que, no atual contexto de pandemia, não há segmento de mercado ou pessoa que não esteja perante um desafio. Meu conselho para os negócios que se encontram nesta situação é: “na dúvida, acelere!”. Como fã de automobilismo e velocidade, este é meu mantra não apenas para momentos delicados como o atual, mas para a vida. Ao longo da minha carreira como executivo e empreendedor, fui aprimorando essa filosofia. Entendi que, apesar de ser preciso velocidade na tomada de decisões, é também necessário se apoiar fortemente em dados, fatos e em um bom planejamento antes de bater o martelo. Os anos de estrada também me ensinaram que garra e crença na vitória são essenciais.

Algumas empresas tiveram suas atividades drasticamente reduzidas e outras estão tendo de reagir a um aumento de demanda inédito. Equipes diretamente ligadas às áreas de saúde, indústria de alimentos, logística e e-commerce estão se desdobrando para dar conta de tudo sem deixar a qualidade cair. Hoje, “fazer mais com menos” é uma condição primordial para a sobrevivência não apenas dos negócios, mas da humanidade.

Nesse cenário, encaro como uma missão pessoal apoiar esses negócios, sejam eles pequenos, médios ou grandes. São eles que estão garantindo não apenas serviços essenciais, mas o mínimo de normalidade e conforto em nossas vidas — além de serem responsáveis por milhares de empregos.

Acelere na tecnologia

Surpreendidos pelas circunstâncias, gestores estão em estado de atenção. Para eles, repito meu conselho do início do texto: acelere! E a melhor maneira de fazer as coisas acontecerem é via tecnologia. Ela garante velocidade ao oferecer insights coletados por dados e informações da própria operação. O investimento em automação e inteligência sempre foi um grande aliado no aumento da produtividade e na redução de custos por meio da organização de processos e do sequenciamento de atividades.

Outro fator crucial para o sucesso é a possibilidade de equipes executarem tarefas de maneira mais precisa. E quando elas são orientadas pelas soluções tecnológicas, liberam o time para se concentrar em ações mais estratégicas. Um bom paralelo com nossas vidas pessoais são os aplicativos de navegação. Prefiro usar meu cérebro para pensar em questões mais interessantes e delegar a tarefa de chegar a um destino pela melhor rota à inteligência artificial disponível em meu celular.

A tecnologia móvel tem sido fundamental para diversos tipos de negócios. Afinal, entrega uma variável imprescindível nos dias de hoje: flexibilidade. Há desde computadores de mão, soluções de realidade aumentada, passando por impressoras portáteis e scanners de código de barras. Elas possibilitam identificar, selecionar, alertar e registrar não apenas atividades, mas também rastrear processos e pessoas de maneira rápida e sem chance de erros. Em resumo: ajudam os times da linha de frente a responderem à imprevisibilidade com segurança, qualidade e no menor tempo possível.

Tecnologia e a redução de erros

Há soluções que ajudam até mesmo hospitais e clínicas a atenderem melhor seus pacientes, o que faz toda a diferença no atual momento. Elas apoiam o quadro clínico com informações em tempo real e possibilitam otimizar atividades com precisão. Estamos falando, por exemplo, de pulseiras que identificam pacientes com códigos RFID. Eles são lidos por smartphones hospitalares que disponibilizam todas as informações que o profissional de saúde pode precisar. Ou seja, minimizam a possibilidade de um erro humano ao administrar um medicamento ou recomendar um tratamento.

No varejo e no e-commerce, cujas operações incluem também transporte e logística, a principal busca é pela eficiência. A tecnologia deve garantir mercados e farmácias com prateleiras cheias e pedidos online entregues dentro do prazo. Faz toda a diferença a possibilidade de escanear estoques — fazendo inventários em segundos — e rastrear mercadorias para ter certeza de que elas chegaram no lugar certo, na hora certa.

Tecnologia + pessoas

Contudo, acelerar não depende apenas de tecnologia, mas também das pessoas que interagem com ela. Para que fiquemos em casa, muitos profissionais estão no limite de seus esforços. Em tempos de pandemia, essas pessoas saem às ruas diariamente para garantir que toda a população seja beneficiada. Implementar soluções que amenizem o fardo de suas atividades e as protejam do risco de contaminação, minimizando a necessidade de encostar em objetos ou se aproximar de outras pessoas, passa a ser essencial.

Em meio à pandemia, vimos que investir em tecnologias de apoio para equipes de linha de frente mostrou-se fundamental para a sustentação de atividades. Teremos, em breve, o que chamam de um “novo normal” — que, em minha opinião, será simplesmente uma nova fase no movimento evolutivo global. O que hoje vemos como uma urgência, amanhã será um hábito ou uma exigência do mercado. Um investimento que se faz hoje passa ser o mínimo exigido pelo consumidor, pelos colaboradores e pela sociedade amanhã. Na dúvida, acelere!

O post O desafio de manter os negócios operacionais e as pessoas saudáveis apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre O desafio de manter os negócios operacionais e as pessoas saudáveis. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.