Ads Top

Google Ads como ferramenta para vender mais online

Engana-se quem pensa que para vender no e-commerce basta implementar sua loja virtual, integrar aos marketplaces e aguardar as vendas acontecerem. Aliás, isso pode ser um caminho possível, mas o empreendedor tem em mãos ferramentas que auxiliam nas vendas e na visibilidade dos seus anúncios online. O Google é um grande filtro de pesquisas e onde o consumidor, na maioria das vezes, busca por um produto para comprar. Por isso é importante pensar em formas de ranquear o seu produto nas melhores posições e, consequentemente vender mais online. Neste artigo, falarei um pouco mais sobre as possibilidades de campanhas orgânicas e pagas através do Google.

Tráfego orgânico x tráfego pago: entenda as diferenças

Para impulsionar as vendas online, duas possibilidades podem ser executadas através do Google: o tráfego orgânico — aquele que faz o seu produto ou negócio aparecer no Google sem pagar nada e o tráfego pago, onde você patrocina algumas campanhas pontuais.

Tráfego orgânico

Para aparecer nas pesquisas do Google de forma bem posicionada sem pagar, é preciso trabalhar o SEO da sua loja. Se ainda não sabe, o termo em inglês Search Engine Optimization (SEO) significa Otimização dos Mecanismos de Busca. Cuidados com descrição, palavras-chave e links adequados fazem parte do trabalho de posicionamento orgânico. Isso pode ser feito através de parceiros e agências especializadas e permite criar uma presença digital forte da sua marca através do ranqueamento orgânico.

Tráfego pago

O Google também possibilita criar campanhas pagas através de palavras-chave, campanhas de display (remarketing) e campanhas de vídeo para YouTube. São ações mais rápidas, pois trazem resultados no dia seguinte da aprovação da campanha. E, neste caso, o lojista precisa investir valor em dinheiro.

Entenda as campanhas com o Google Ads

As campanhas focadas em palavras-chave são aquelas que o seu produto ou marca aparece como um link patrocinado em uma pesquisa. Geralmente trazem para a loja um tráfego de qualidade, já que aparece em buscas com intenção de determinado produto. Para criar essas campanhas é preciso entender qual a palavra-chave para identificar o seu produto e o destacar dos concorrentes. Por exemplo: se for uma maquiagem para determinado tipo de pele, a palavra-chave será maquiagem para pele oleosa, e não apenas maquiagem. Afinal, este último termo engloba todas as outras maquiagens existentes no e-commerce.

Fazer campanhas de Google Ads é uma forma de encontrar os consumidores do seu negócio no e-commerce com mais assertividade. Sua pesquisa patrocinada irá aparecer na frente das pesquisas orgânicas e as chances de efetivar as vendas são maiores.

Dicas para a campanha de pesquisa no Google Ads

Quando falamos em pesquisas no Google, o segredo para fazê-las performar é ela ser relevante. Consequentemente, isso aumenta a taxa de cliques (CTR) e acaba por reduzir o custo por clique (CPC) que é cobrado pelo Google. Além dessas dicas, outras são importantes na hora de fazer a sua campanha, como:

Título

Os anúncios devem ter três títulos. O título 1 deve ser compatível com a pesquisa do cliente. Minha dica é utilizar o nome do produto + em Oferta para chamar atenção (sempre cabendo dentro de 30 caracteres). Também é possível definir um texto padrão para que, se o texto da pesquisa não couber, ele seja substituído pelo texto padrão.

Palavras negativas

Nas primeiras semanas do anúncio, é recomendável entrar na plataforma do Google Ads para ver os termos pesquisados. Identifique as palavras pesquisadas e adicione palavras-chave negativas na lista para que as variações das pesquisas dos clientes também fiquem no filtro do seu anúncio. Lembre-se sempre de pensar em variações da palavra-chave, como “maquiagens” ao invés de apenas maquiagem, no mesmo exemplo utilizado.

Direcionamento

Quando se pensa em fazer anúncios é preciso entender quem é o seu público alvo para direcionar os anúncios. É importante entender que existem três tipos de públicos-alvo nas campanhas de Google Ads: Remarketing, Intenção e Afinidade. Quando o caso for o objetivo das campanhas de pesquisa, é preciso utilizar de Intenção ou Afinidade. Com um direcionamento correto aumenta até 50% a taxa de cliques, o que acaba por reduzir o seu CPC.

Nicho

Quanto mais nichadas forem suas campanhas, mais o seu anúncio será relevante. Por isso escolha bem as palavras-chave do seu anúncio e direcione para o público-alvo. Dessa forma, acabará por aumentar a sua relevância sobre o assunto.

Criar campanhas de vendas, sejam orgânicas ou pagas, é uma estratégia importante para vender mais e direcionar mais as vendas ao público que busca por aquele produto. Por isso estude as ferramentas e as formas de criar melhores campanhas antes de começar. Afinal, a tecnologia traz ferramentas que são como aliadas aos negócios do nosso tempo e é preciso entender para fazer parte de um ecossistema de vendas ativo e eficiente.

O post Google Ads como ferramenta para vender mais online apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre Google Ads como ferramenta para vender mais online. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.