Ads Top

Como utilizar a frota da melhor forma para reduzir custos com as entregas

O rápido crescimento do comércio eletrônico marcou 2020 e fez com que as empresas que movimentam mercadorias, seja o transportador ou o próprio e-commerce, pensassem em alternativas para baixar os custos com as entregas. Os custos logísticos são fatores que pesam no orçamento de muitas empresas e os líderes do setor costumam sofrer uma certa pressão para manter a qualidade das entregas com um valor mais em conta.

Para garantir bons resultados e eficiência dos processos, é importante estar atento aos avanços tecnológicos e às inovações que surgem todos os dias no mercado. Na busca por soluções que amenizam os custos com as entregas e auxiliam os gestores, otimizar a frota para utilizá-la da melhor forma possível surge como uma alternativa viável e simples.

Com a otimização, as mercadorias são separadas dentro dos veículos com o intuito de ocupar todos os espaços e reduzir os custos com as entregas. Essa separação pode ser feita manualmente ou com o auxílio de tecnologias que automatizam os processos. É levado em consideração o tamanho e capacidade dos veículos, além de características especiais, como plataformas elevatórias.

E para que a otimização da frota seja um sucesso é preciso considerar alguns pontos que irão auxiliar a empresa na redução dos custos com as entregas. Confira:

Peso total da carga antes de sair 

Muitas vezes o motorista só percebe que extrapolou o peso bruto do veículo (carregado) ao passar por uma fiscalização e neste momento não tem muito o que fazer. Além da multa, o veículo pode ser detido e só ser liberado quando a carga for remanejada, gerando ainda mais custos para a empresa.

Para que isso não aconteça, é fundamental que o gestor, mesmo na correria do dia a dia, confira se a carga foi armazenada adequadamente e o peso total não ultrapassou o limite daquele veículo, conforme seus eixos. Neste ponto, a separação de cargas é uma aliada do gestor.

Distribuição das cargas

Além de evitar a sobrecarga, distribuir as cargas corretamente irá evitar problemas na vida útil do veículo, como o desgaste maior dos pneus, freios e outras peças, sem contar o consumo excessivo de combustível ao fazer o veículo forçar o motor por conta da má distribuição do peso. Ainda, o sobrepeso pode causar danos para as estradas, que já não possuem as melhores condições, e interfere na segurança dos motoristas e das mercadorias transportadas.

Preste atenção nos KPIs

Os indicadores logísticos, famosos KPIs, são ferramentas que auxiliam o gestor a desenvolver estratégias para melhorar a utilização da frota. Os dados podem ser coletados a partir de ferramentas ou manualmente. As principais métricas para frota são:

OTIF 

On Time & In Full, um dos indicadores mais importantes da logística, trata sobre a visão do cliente para as entregas. Mede a pontualidade do pedido e as especificações. Com ele também é possível avaliar o desempenho dos motoristas.

Ociosidade dos veículos

A frota parada não traz resultados para a empresa. Por isso é importante realizar um planejamento bem estruturado dentro da operação, mapeando a situação dos veículos, analisando os custos e automatizando os processos com o uso de tecnologias, como de um roteirizador. Ele é um dos principais aliados do gestor de frotas, pois além de planejar as rotas de forma mais assertiva, também direciona as mercadorias para os veículos com o objetivo de diminuir a ociosidade da frota.

Gastos com combustível 

É importante fazer algumas análises em relação ao combustível que está sendo gasto com o faturamento da empresa. Existem muitos fatores que podem estar aumentando o consumo de combustível dos veículos, como não fazer a manutenção regularmente ou usar o veículo de forma inadequada. Além disso, o planejamento das rotas e o uso de tecnologias geram valor e facilitam o trabalho do gestor.

Utilizar KPIs para medir o desempenho de toda a empresa garante transparência nos resultados e monitora os dados em busca de melhoria contínua. Os números reais, tirados do próprio negócio, permitem tomadas de decisões rápidas e mais assertivas na busca pela redução de custos.

Ao levar em consideração os pontos aqui informados e utilizando a otimização da frota da forma correta, os custos com as entregas são revisados e até mesmo reduzidos, na busca pela entrega perfeita. Muitos investimentos são feitos com o intuito de reduzir os custos, ao implementar tecnologias disruptivas que podem fazer muito mais pela sua empresa hoje.

O post Como utilizar a frota da melhor forma para reduzir custos com as entregas apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre Como utilizar a frota da melhor forma para reduzir custos com as entregas. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.