Ads Top

B2B tem espaço na Black Friday?

A Black Friday surgiu nos Estados Unidos e é realizada sempre após o feriado de ação de graças. A data é conhecida por alavancar as vendas do varejo e ajudar a potencializar as vendas num período em baixa, historicamente novembro é um mês de baixa nas vendas, pois muitas pessoas seguram as compras esperando o Natal. As relações e ofertas são mais conhecidas pelos consumidores finais (B2C), mas também são aplicáveis nas relações entre empresas (B2B). Indústrias, Agronegócios e Serviços também podem lucrar com essa data adaptando sua comunicação.

É um período de vendas importante, já que mercado está aquecido e compradores estão esperando economizar para poder adquirir produtos e serviços com bom desconto.

Hoje muitas empresas estão sendo lideradas ou possuem em cargos de alta liderança profissionais que já nasceram conectados a internet. Estes profissionais procuram facilidade em relacionamento com demais empresas e estão mais propensos a fazer negócios com fornecedores que tenham canais de interação mais fáceis, como e-commerce, site e chats em tempo real.

Leia também: Vendas do comércio eletrônico devem crescer 27% na Black Friday

Como abrir espaço para o B2B na Black Friday?

A indústria do consumo segue um fluxo. Quando a ponta final desse ciclo, o varejo, tem suas vendas alavancadas, automaticamente, isso gera espaço para seus fornecedores venderem também. Empresas de varejo logo estarão em busca de altos níveis de estoque. Com o aumento da demanda do consumidor, isso significa que as lojas de varejo terão de garantir como atender a essa demanda.

É aí que o B2B entra no jogo! Se movimentar para a Black Friday é uma ação inesperada, portanto com baixíssima concorrência. Isso, por si só, irá diferenciar a imagem do negócio dos demais no mesmo nicho.

A razão pela qual as vendas desse dia são tão populares é porque as ofertas são boas e há muitas pessoas brigando por uma quantidade limitada do produto ofertado. Os compradores não têm muito tempo para pensar, eles apenas agem. Embora as vendas frequentemente sejam mais lentas no B2B, ainda é possível aproveitar essa mentalidade através de ofertas de baixo custo.

Mas não é só baixando preços que se colhe frutos. Mesmo sem poder comprometer o orçamento, é possível ganhar visibilidade na Black Friday. Oferecendo, por exemplo, maior prazo para pagamento ou parcelamento. Uma consultoria gratuita sobre o produto ou serviço também já faz uma grande diferença.

Ações como esta permitem que as pessoas experimentem a marca ou comprem mais aproveitando as possibilidades de pagamento. Não se trata apenas de dar algo de graça, trata-se de dar algo que realmente agregue ao consumidor.

Quanto a consultoria, após o término é possível oferecer algum complemento como e-book, abrindo assim uma oportunidade para compra exclusiva por um período limitado.

Essa é uma forma de aumentar os volumes de leads, ao mesmo tempo, em que mantém margens de lucro mais altas, além de estimular clientes em potencial passivo que estão em dúvida para tomar uma decisão.

Outras oportunidades a serem exploradas

Além da Black Friday, o Brasil tem herdado outras datas estimulantes para o comércio e indústria. A segunda-feira após a Black Friday, é um bom exemplo. A Cyber Monday é um caminho aberto para o setor tecnológico! Empresas revendedoras de softwares, programas e soluções tecnológicas podem aproveitar esse dia e ter suas vendas impulsionadas. Tanto com a baixa de preços e montagem de pacotes promocionais, quanto com a oferta de consultoria, webinars e conteúdos gratuitos.

Fora a Cyber Monday, outras datas como Brasil Game Day, Boxing Week, Mega Saldão e Dia do Frete Grátis são todos exemplos de mostrar que o segmento B2B pode criar suas próprias chances para crescimento e lucratividade.

A chave para usar essas datas a favor de um negócio é aplicar criatividade e dinamismo nos métodos usados no B2C para o B2B.

Dicas práticas para você aproveitar a Black Friday

Independentemente se você é Indústria, Agro ou Serviços, confira abaixo algumas dicas para você aproveitar a Black Friday:

  • Estenda o prazo de pagamento: verifique a possibilidade de aumentar o prazo para pagamento, por exemplo, de 15 dias para 30 dias.
  • Ofereça mais parcelas: aumente a quantidade do parcelamento, muitas vezes aumentar o pagamento em 1 parcela a mais pode ser o diferencial para o fechamento da venda. Você não compromete seu caixa e ainda gera novas oportunidades de negócios.
  • Consultoria gratuita: ofereça uma consultoria online gratuita sobre o seu serviço. Importante que esta consultoria seja realmente boa para que o público tenha interesse em adquirir sua consultoria completa.
  • Demonstração do serviço: que tal oferecer uma demonstração do seu produto? Oferecendo uma prévia possibilita que o cliente conheça seu produto, é uma excelente tática para conquistar um novo cliente.
  • Volte a negociar vendas perdidas: retome o contato com oportunidades de negócio perdidas oferecendo descontos.
  • Utilize sua lista de e-mails: faça uma seleção dos seus clientes e negócios perdidos e através do e-mail ofereça sua promoção.
  • Redes sociais: o B2B está nas redes sociais sim! Aproveite e divulgue em seus canais sua promoção.

Você pode desenvolver essas dicas ou ter o apoio de uma boa consultoria em marketing digital e especialista em B2B a traçar as estratégias corretas de vendas.

Conclusão

O B2B tem um comportamento diferente do B2C. O ciclo de vendas costuma ser mais longo e envolve mais pessoas. No entanto, todo o processo de compra e venda é feito de pessoas para pessoas. Entender o comportamento e as necessidades é essencial para uma negociação perfeita.

Espero que este artigo tenha sido útil e te ajude a alavancar suas vendas!

O post B2B tem espaço na Black Friday? apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre B2B tem espaço na Black Friday?. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.