Ads Top

Confira algumas tendências para a Black Friday 2020

Muito cedo para falar de Black Friday? Claro que não. O ideal é que o planejamento para esta data tão icônica para o mercado de e-commerce seja iniciado pelo menos com seis meses de antecedência.

O grande X da questão deste ano é que estamos vivenciando um período nada convencional. E a grande verdade é que estamos passando por uma “Black Friday” desde o mês de abril. A ABComm registrou a abertura de mais de uma loja por minuto, no início da pandemia. O Mercado Livre contou com mais de 5 milhões de novos compradores online na América Latina. Registramos alta de praticamente 80% nas vendas em comparação ao mesmo período do ano passado.

Então, será que ainda teremos uma Black Friday em novembro de 2020? E quais serão as tendências para esta data?

O que será diferente de 2019

Na Black Friday de 2019, o e-commerce registrou uma alta de 23% em relação ao mesmo período de 2018. Faturando um montante de aproximadamente 3,2 bilhões de reais, a Black Friday 2019 teve um dos melhores desempenhos até então.

Só em abril deste ano, o e-commerce registrou um faturamento de R$ 9,4 bilhões, de acordo com o Compre & Confie. Com certeza, nenhum de nós podia prever um crescimento tão grande em um período fora de grandes datas comemorativas.

O primeiro impacto da pandemia para o mercado online foi a súbita queda nas vendas, pelo medo do desconhecido. O segundo momento foi viver intensamente um dos melhores períodos de crescimento das vendas online.

Enquanto em 2019 houve queda no ticket médio de 1,1%, acredito que este ano não tenhamos um crescimento expressivo em relação à esta métrica. A minha aposta para as tendências da Black Friday 2020 é que os produtos de menor valor agregado se sobressaiam nas vendas.

O que isso significa? Acredito que as vendas tenderão aos produtos de auto presentes, de menor valor agregado, do que grandes produtos de alto valor. O consumo de itens supérfluos deve se sobressair nesta Black Friday.

As vendas mobile e as tendências para a Black Friday 2020

Se na Black Friday de 2019 houve uma representatividade de 55% de pedidos realizados pelo mobile, não acredito que esse ano tenha números tão expressivos nessa comparação.

Com o home office melhor instituído no cotidiano da população, a tendência é que as compras sejam realizadas pelo desktop, ao invés do dispositivo móvel. Afinal, com os consumidores dentro de casa e com fácil acesso ao desktop, a aposta é que o desktop tenha uma representatividade maior.

Novos consumidores

Assim como mencionei no começo do artigo, a pandemia trouxe muitos novos consumidores para o mercado virtual. Os 12% de novos consumidores em 2019 com certeza serão superados pelos números deste ano.

As mudanças repentinas obrigaram, inclusive, os consumidores mais desconfiados a se adaptarem e fazerem parte do online. Eles descobriram a praticidade e versatilidade desta opção, por isso a Black Friday de 2020 vai contar com muitos novos participantes online.

Com as mudanças no comportamento do consumidor, sua loja precisa estar adaptada aos novos consumidores e às novas tendências de comportamento. Aproveite os meses que restam para fazer os ajustes finais na navegabilidade da loja, bem como processos de check out e pagamento.

Projeções para a Black Friday

Uma previsão difícil neste momento, uma vez que tudo pode acontecer no período dos meses que faltam para a Black Friday.

A incerteza de acontecimentos como reabertura total dos comércios físicos, bem como a instituição de um novo isolamento social, pode alterar totalmente os números e rumo das vendas. Mas, por hora, acredito sim, que está será uma ótima Black Friday.

Vamos ter um crescimento de dois dígitos, sim. Em comparação à 2019, acredito que os números serão muito bons, mesmo com a reabertura do comércio físico. Porém, em comparação ao crescimento que já vivenciamos neste ano, pode ser a que Black Friday 2020 não seja mais uma data tão expressiva quanto antes.

Com um crescimento anormal em meados de abril e um faturamento que superou a Black Friday 2019, a comparação é inevitável.

Mas já está mais do que na hora de você rever o planejamento para a data. Preços, estoques, promoções que entrarão em vigor… Tudo deve estar perfeito para que suas vendas cresçam nesta data importante para o e-commerce. Afinal, muitos consumidores estão ansiosos.

O post Confira algumas tendências para a Black Friday 2020 apareceu primeiro em E-Commerce Brasil.

Na próxima semana farei mais um review com depoimento e resenha sobre Confira algumas tendências para a Black Friday 2020. Espero ter ajudado a esclarecer o que é, como usar, se funciona e se vale a pena mesmo. Se você tiver alguma dúvida ou quiser adicionar algum comentário deixe abaixo.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.